SailBrasil

A VIDA  É  MELHOR  EM  UM  VELEIRO

A SailBrasil é sobre muito mais do que vela e veleiros; é sobre o estilo de vida da vela e a relação que existe entre os seres humanos e o mar, descrita através de histórias curtas, mas muito bem contadas, informações atualizadas, de um lindo design e de uma fotografia impressionante.

O objetivo da SailBrasil é proporcionar ao leitor uma mídia multiplataforma, ancorada por uma revista semestral, e um site de notícias sobre vela, atraindo todos os interessados no estilo de vida da vela brasileira.

Sempre enfatizando a vela e as viagens pela costa brasileira, quero discorrer sobre os belos destinos existentes neste país maravilhoso, dando dicas de onde pernoitar e como aproveitar tudo relacionado ao modo de vida, a comida e a bebida do lugar.

Assim descrevi a SailBrasil, que editei entre os anos de 2008 e 2020, como minha maneira de contribuir para com a vela Brasileira.

Contudo, em 01 de outubro de 2020, após 12 anos do seu lançamento, recebendo uma média de 1.200 visitas únicas por dia, por causa do novo Marco Regulatório da Internet Brasileira e da exigência da nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), das suas restrições e multas com relação à distribuição, armazenamento e segurança de informações pessoais, por ser a SailBrasil apenas um hobby, decidi tirar o site do ar pois fica impossível de atender todas as exigências da lei.

Quando tirei a SailBrasil.com.br do ar, esta possuía em seus cadastros:

  • 10.631 usuários ativos;
  • 3.873 notícias sobre vela divulgadas na SailBrasil News;
  • 1.838 fornecedores cadastrados;
  • 2.453 veleiros particulares cadastrados;
  • 802 modelos de veleiros cadastrados;
  • 1.965 Waypoints com descrição, foto e sua Latitude e Longitude para consulta e montagem de roteiros;
  • 130 anúncios de “Tripulantes se Oferecem” (eram válidos por 6 meses);
  • Mais de 500 anúncios nos “Classificados Náuticos” gratuito;
  • Todas as regatas do calendário brasileiro e seus resultados;
  • Todas as Associações de Classe e Federações Brasileiras e Internacionais;
  • Todas as marinas, garagens náuticas e Iates Clubes do Brasil com informações completas;
  • Todos os resultados Brasileiros na vela em Olimpíadas e Pan Americanos;
  • Centenas de informações técnicas, como fazer você mesmo, inclusive manuais e procedimentos para manter seu veleiro;
  • Todo mês, as “10 coisas para fazer neste mês” apresentando exposições, eventos, cultura, viagens e muito mais;
  • Relatos de “Velejadores de Cruzeiro” brasileiros descrevendo suas aventuras (texto, fotos e vídeos) ao redor do mundo;
  • Relação dos Museus Náuticos e do Mar Brasileiros e sua programação;
  • 7 edições da SailBrasil Magazine lançadas e a disposição dos usuários (clique no link para ler… são gratuitas);
  • 2 livros de Contos de Vela a disposição para leitura (clique no link para ler… são gratuitos);
  • 1 livro sobre “A Vela Brasileira – Registro deste Patrimônio”;
  • Todas as Cartas Náuticas da costa brasileira para consulta em tela;
  • Todos os dados de contato das marinas e iate clubes brasileiras, categorizados por estado, com suas estações de rádio, seu Prefixo e Frequência;
  • 635 fotos do mundo da vela divulgadas semanalmente no “Fotos da Semana”;
  • Aplicativo para gerenciar a manutenção da embarcação nas “Registro de Serviços de Manutenção”;
  • Mais de 900 livros e vídeos (capa, título, descrição, autor, editora e ISBN) relacionados com o mundo náutico em “Leituras e Filmes de Bordo”;
  • Aplicativo gratuito para descrever os passeios e viagens no “Diário de Bordo”;
  • Informações de Lazer, Hotéis e Restaurantes na costa;
  • Entre muitas outras informações…

Clique aqui para ver como era a SailBrasil entre os anos de 2008 e 2018: https://spark.adobe.com/page/iidUpj8TVZVzG/

Uma pena… segue o último vídeo para que você possa relembrar:

Contudo, ficaram as revistas que estão disponíveis para leitura… leia clicando aqui ou na foto abaixo (são gratuitas).

e os livros que também estão disponíveis para leitura… leia clicando aqui ou na foto abaixo (são gratuitos).

Desde já, agradeço aos 10.631 usuários, velejadores e amigos que se cadastraram e curtiram comigo a vela “virtual” durante estes 12 anos!

Sei que continuaremos a nos encontrar e “bater papo de vela” onde quer que seja.

 Espero que tenham aproveitado!

Um grande abraço e Bons Ventos Sempre!

Maximilian Immo Orm Gorissen

Velejador, escritor e editor da SailBrasil Magazine… nessa ordem!

Leia “alguns” dos artigos que escrevi:

Entenda a medição de velas

Cada classe de veleiro tem dimensões máximas de vela que não podem ser ultrapassadas. Estas dimensões são definidas como I, J, P e E, (também Py e Ey para veleiros com armações Ketchs e Yawls – veja no desenho abaixo) e, na realidade, são apenas medidas em metros (no Brasil). De posse destas medidas, qualquer … Mais Entenda a medição de velas

Clubes de Vela

Yacht Clubs, ou Iate Clubes em português, são uma das mais antigas e históricas instituições do esporte mundial. Imbuídos de tradições e muita paixão por barcos, em especial veleiros, seus membros compartilham uma ligação tanto na água quanto fora dela.

Troca das lâmpadas incandescentes por LEDs no veleiro Gaia 1.

Após ter feito e instalado um novo forro no teto do meu veleiro Gaia 1 (veja Cupins e o novo teto do Gaia 1), aproveitei para trocar o sistema usado nas luminárias originais, buscando uma maior eficiência e um melhor gerenciamento da energia elétrica do veleiro.

Humor: o velejador louco que tentava pulverizar seu veleiro contra insetos!

Um dia, relaxando no deck ancorado em Cananeia – SP, comecei a observar marimbondos voando pelo barco. Por experiência anterior, sei que isso significa que estão fazendo um ninho por ali. Nem precisei procurar muito, bastou identificar a concentração dos insetos no púlpito de proa, na conexão com o guarda-mancebo, para saber onde estavam fazendo … Mais Humor: o velejador louco que tentava pulverizar seu veleiro contra insetos!

Entre o racional e o irracional

Quando uma pessoa decide entrar no apaixonante mercado náutico, principalmente no da vela, é importante que procure balancear a paixão e a razão, as duas forças decisórias que estão por trás da compra de uma embarcação, para não se desiludirem com o estilo de vida com o qual esse mercado nos brinda.

Considere, promova e ajude a desenvolver a indústria da vela brasileira comprando produtos produzidos no Brasil!

Uma das coisas mais fáceis do mundo é chegar em alguém que está fazendo um bom trabalho e dar um tapa nas suas costas e reconhecer de que está fazendo um bom trabalho, contudo, é ainda mais fácil fazer o contrário e criticar ou desprezar alguém que está tentando fazer algo positivo… e é o … Mais Considere, promova e ajude a desenvolver a indústria da vela brasileira comprando produtos produzidos no Brasil!

O mundo não muda com sua opinião e nem com frases e fotos nas mídias sociais, muda com seu exemplo… Proteja os Oceanos

Como velejadores, além de usufruir dos benefícios dos oceanos, temos o dever de reconhecer a importância dos oceanos para a vida do nosso planeta e de tentar protegê-los mesmo que com ações simples. Muitos não consideram a degradação dos oceanos como um problema relevante para o futuro, preocupando-se apenas com o desemprego, a saúde pública … Mais O mundo não muda com sua opinião e nem com frases e fotos nas mídias sociais, muda com seu exemplo… Proteja os Oceanos

Resultado da Pesquisa SailBrasil sobre a vela no Brasil.

Estamos iniciando um trabalho para mapear e entender o mercado da vela no Brasil. Começamos, como sempre, com uma ação simples: Perguntar aos nossos usuários sua opinião do que acham de bom e de ruim no mercado da vela brasileiro.

Subir a linha d’água tirando coisas imprescindíveis!

Ainda não tenho certeza se são os veleiros que precisam de “coisas” ou se somos nós, os proprietários, que precisamos delas, e as acumulamos. De qualquer maneira, não importa, pois o acúmulo de “coisas imprescindíveis”, mas que nunca serão usadas, é um fato em qualquer embarcação.

Em vez de determinar com quão pouco podemos viver, identificamos do que não abrimos mão para viver

Hoje, adultos, não somos tão diferentes da criança que já fomos um dia. Se você vive em uma grande cidade, havendo passado os finais de semana da sua infância no litoral, é bem provável que continue migrando em direção à água, com sua família, para descansar. Se teve um veleiro na infância, espero que tenha … Mais Em vez de determinar com quão pouco podemos viver, identificamos do que não abrimos mão para viver

Será que o futuro da vela Brasileira não depende das Associações de Classe?

Sempre nos perguntamos o porque de termos um baixo número de veleiros per-capita no Brasil comparado com países como os Estados Unidos, Inglaterra (Veja matéria: Quer ver o Paraíso do velejador? Southamptom Boat Show … para ter uma ideia) , França, Austrália, Argentina, etc. A resposta normalmente é: no Brasil, o poder aquisitivo das pessoas não … Mais Será que o futuro da vela Brasileira não depende das Associações de Classe?